Telefone Mestieri São Paulo: (11) 3862-4421 | Belo Horizonte: (31) 4063-9026São Paulo: (11) 3862-4421 | Belo Horizonte: (31) 4063-9026

Assessoria em Cálculos Judiciais

Juros futuros fecham em alta após corte na selic e redução de impostos pelo governo - 08/12/2011
Fonte: Equipe InfoMoney

SÃO PAULO - As taxas dos principais contratos de juros futuros tiveram forte alta nessa quinta-feira (1), principalmente em seus vencimentos mais longos. O mercado refletiu a definição do novo patamar da taxa Selic na reunião do Copom (Comitê de Política Monetária) da última quarta-feira (30), com queda em 50 pontos percentuais - para 11% ao ano - ajuste já esperado pelo mercado - além das novas medidas de estímulo econômica, como a redução de impostos anunciada pelo ministro da Fazenda, Guido Mantega.

Os economistas da LCA Consultores avaliam que esse ajuste reforça a percepção de que o ajuste da Selic continuará a seguir em 50 pontos-base nos próximos encontros do BC, a não ser que o mercado internacional sofra uma forte deterioração. Desse modo, os economistas seguem projetando redução da Selic para 9,5% ao ano até abril de 2012 . Essas medida pode vir acompanhada de ações alternativas de relaxamento monetário, afirmam.

Uma dessas medidas foi anunciada pelo ministro da Fazenda, Guido Mantega, que informou a redução da alíquota do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) para produtos da linha branca, como geladeiras, fogões e máquinas de lavar. A medida faz parte de um pacote para estimular o consumo das famílias brasileiras e valerá até março de 2012.

Segundo a LCA Consultores, essas medidas reduzem o espaço para a queda da Selic nos próximos meses, caso se concretize um cenário internacional em que o mundo cresça cerca de 3,5%. Em um cenário mais adverso, com o mundo crescendo bem menos – cerca de 2% - a Selic poderia cair para a faixa de 7% a 8% até meados de 2012.

Além disto, o governo decidiu cortar de 2% para zero o IOF (Imposto Sobre Operações Financeiras) sobre os investimentos externos em ações - tanto oferta primária (IPO) quanto no mercado secundário. O ministro afirmou ainda que o governo também reduziu o IOF de 6% para zero sobre as aplicações de não-residentes em títulos privados de longo prazo com duração acima de quatro anos, medida que também estimula o investimento e o financiamento privado de longo prazo.

Agenda Doméstica

Na agenda do dia, a FGV (Fundação Getulio Vargas) divulgou o IPC-S (Índice de Preços ao Consumidor - Semanal) de 30 de novembro que marcou taxa positiva de 0,53%. O valor é 0,10 ponto percentual superior ao apontado na última semana, quando foi de 0,43% e 0,27 p.p. acima do registrado no fechamento de outubro, quando marcou 0,26%.

Já a balança comercial apresentou exportações de US$ 21,774 bilhões e importações de US$ 21,191 bilhões, resultando em superávit de US$ 583 milhões em novembro de 2011, segundo dados divulgados nesta quinta-feira (1) pelo MDIC (Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior).

A média diária do mês nas exportações foi de US$ 1,088 bilhão e, nas importações, de US$ 1,059 bilhão. Por sua vez, a média da balança no período foi de US$ 29,2 milhões.

Contrato de janeiro de 2012 fechou com taxa de 10,87%

O contrato de juros de maior liquidez nesta quinta-feira, com vencimento em janeiro de 2012, registrou uma taxa de 10,87%, 0,03 ponto percentual acima do fechamento de quarta-feira.

A seguir confira o fechamento das taxas dos principais contratos de juros futuros na BM&F:


Vencimento

Taxa atual

Taxa anter

Diferença

Contr Neg

Janeiro de 2012

10,87

10,84

+0,03http://www.infomoney.com.br/images/cotacoes/up.gif

1.358.622

Fevereiro de 2012

10,74

10,71

+0,03http://www.infomoney.com.br/images/cotacoes/up.gif

107.405

Março de 2012

10,61

10,56

+0,05http://www.infomoney.com.br/images/cotacoes/up.gif

15.805

Abril de 2012

10,42

10,38

+0,04http://www.infomoney.com.br/images/cotacoes/up.gif

313.920

Julho de 2012

10,04

9,97

+0,07http://www.infomoney.com.br/images/cotacoes/up.gif

135.277

Outubro de 2012

9,83

9,72

+0,11http://www.infomoney.com.br/images/cotacoes/up.gif

1.420

Janeiro de 2013

9,74

9,61

+0,13http://www.infomoney.com.br/images/cotacoes/up.gif

404.440

Abril de 2013

9,75

9,64

+0,11http://www.infomoney.com.br/images/cotacoes/up.gif

2.110

Julho de 2013

9,82

9,68

+0,14http://www.infomoney.com.br/images/cotacoes/up.gif

11.739

Outubro de 2013

9,91

9,78

+0,13http://www.infomoney.com.br/images/cotacoes/up.gif

5

Janeiro de 2014

9,99

9,84

+0,15http://www.infomoney.com.br/images/cotacoes/up.gif

267.685

Abril de 2014

10,11

9,96

+0,15http://www.infomoney.com.br/images/cotacoes/up.gif

4.725

Julho de 2014

10,19

10,05

+0,14http://www.infomoney.com.br/images/cotacoes/up.gif

1.885

Outubro de 2014

10,26

10,15

+0,11http://www.infomoney.com.br/images/cotacoes/up.gif

2.840

Mestieri & Seidl - Consultoria e Serviços

Rua da Mooca, 2206 - Cj 7 | 2º andar - Mooca - São Paulo, SP - CEP: 03104-002
Telefones: São Paulo: (11) 3862-4421 | Belo Horizonte: (31) 4063-9026
© 2017 Mestieri & Seidl - Consultoria e Serviços. Todos os Direitos Reservados.
Mapa do Site